Azure Capitals - Soluções em consultoria personalizada

Notícias

Persona? O que é e como pode me ajudar?

Muitas pessoas se preocupam em alcançar ao “público-alvo” na hora de produzir algum conteúdo, porém, a abrangência deve ser voltada à persona.

E é claro que nesse momento você deve estar se perguntando quais as diferenças desses dois conceitos, certo? O público-alvo é um segmento da população geral que pode se interessar pelo produto, serviço ou o que você esteja oferecendo, diferentemente da persona, que é o exemplo de um possível cliente em uma abordagem mais detalhada.

Por isso, na hora de planejar o material você deve ter em mente alguns pontos relacionados a quem você quer atingir: o que ela faz profissionalmente, quais os objetivos que ela tem na vida e como o conteúdo poderá ajudá-la, os seus hábitos de rotina e de compras, quais os desafios dessa pessoa e o modo que ela busca para se manter informada.

Com esse afunilamento, o material fica mais certeiro, já que você tem como saber o que e como executar esse marketing de conteúdo para ajudar a persona.

A persona é a dúvida que ela tem?

Em partes, essa é a função do produtor. O leitor só fica atraído por aquilo que traz soluções para o que ele precisa, tornando o marketing de conteúdo um “sanador” disso.

Além do tema em si, categorizar a persona facilita na adaptação da linguagem, no tamanho do texto, no tipo de produção e até mesmo quais redes sociais irão trazer mais retorno para esse objetivo.

Um exemplo: a persona definida pela empresa é uma mulher loira, que trabalha seis dias por semana, é casada e tem filhos, não tem tempo para ir sempre ao salão de beleza e necessita de informações para manter as suas madeixas lindas. Pronto! Você tem definições suficientes para delinear o seu marketing de conteúdo.

Se ela é loira, obviamente já tem noção de como cuidar dos fios descoloridos. Mas será que ela sabe alguns truques inovadores de cuidados para serem feitos em casa? Os novos procedimentos profissionais que possam ser feitos com um período maleável entre as sessões, para que ela adapte a sua rotina às idas ao cabeleireiro? Essa persona conhece produtos específicos para cabelos de cada tonalidade na cartela de loiros?

Deu para perceber a diferença de público-alvo e persona? Na situação acima você escreveria para as loiras, mas reduzindo as evidências e chegando à persona, você tem mais chances de atrair os leitores. Enquanto o público-alvo pensaria apenas em “mulheres de X a Y anos, loiras, com filhos”, a persona sugere que esta mulher tenha nome, idade, profissão, gostos, vontades e problemas, permitindo uma comunicação mais humanizada e, certamente, mais assertiva.

Quer mais informações sobre o assunto? Entre em contato conosco!